quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Depois eu lembrei que todo mundo passa mas ninguém fica e tive vontade de chorar o choro mais longo e pesado do mundo.

0 Comentários

Eu não te culpo. Eu no seu lugar faria o mesmo, talvez. É que eu sou uma pessoa difícil de lidar, de conviver, de amar.

0 Comentários

A famosa ‘volta por cima’, se dá quando você admite que já sofreu demais, que a vida é uma só pra continuar desse jeito. Quando você reconhece que merece ser feliz, e coloca isso acima de tudo.

0 Comentários
Talvez eu queira demais. Não só de mim, entende? Dos outros também. Espero que descubram, por trás dos meus disfarces, toda a coisa. Porque as nossas angústias usam máscaras. E eu tenho uma mania de ser valente, dá até medo. O mundo entra na mochila e ela fica mais pesada que rocha. Aí brinco de tartaruga e quero levar tudo dentro. Nem eu me seguro, ora. Não sei porque insisto. Às vezes não dá, tenho que aceitar isso. Não é vergonhoso, nem fraco, é que não dá. Porque não. Mas, você sabe, não aceito essas respostas.




quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

3 Comentários

 



Não quero mais ser feliz. Nem triste. Nem nada. Eu quis muito mandar na vida. Agora, nem chego a ser mandada por ela. Eu simplesmente me recuso a repassar a história, seja ela qual for, pela milésima vez. Deixa a vida ser como é. Desde que eu continue dormindo.