sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Seremos sempre pronomes pessoais no singular... Não há plural quando as almas não se misturam. Eu e Tu...Tu e Eu, numa alternância de individualidades intocáveis, nunca Nós!


0 Comentários:

Postar um comentário

Liberte-se deixando fluir da mente e do coração...
Palavras que me acalmam.