terça-feira, 27 de dezembro de 2011

"Mas quando desvio meu olho do teu, dentro de mim guardo sempre teu rosto" - Dayanne Cassimiro



0 Comentários:

Postar um comentário

Liberte-se deixando fluir da mente e do coração...
Palavras que me acalmam.