terça-feira, 8 de novembro de 2011

Ontem eu chorei ...


DEDICO AO MEU CARO AMIGO [...]
Por tudo que fomos. Por tudo o que não conseguimos ser. Por tudo que se perdeu. Por termos nos perdido. Pelo que queríamos que fosse e não foi. Pela renúncia. Por valores não dados. Por erros cometidos. Acertos não comemorados. Palavras dissipadas. Versos brancos. Chorei pela guerra cotidiana. Pelas tentativas de sobrevivência. Pelos apelos de paz não atendidos. Pelo amor derramado. Pelo amor ofendido e aprisionado. Pelo amor perdido. Pelo respeito empoeirado em cima da estante. Pelo carinho esquecido junto das cartas envelhecidas no guarda-roupa. Pelos sonhos desafinados, estremecidos e adiados. Pela culpa. Toda a culpa. Minha. Sua. Nossa culpa. Por tudo que foi e voou. E não volta mais, pois que hoje é já outro dia. Chorei. Apronto agora os meus pés na estrada. Ponho-me a caminhar sob sol e vento.




2 Comentários:

André Diniz Lauria ( Petisco ) disse...

sinceramente eu NÃO CONSIGO TE ENTENDER
Para mim vc ja me esqueceu, isso é meu pensamento espero cm toda força que eu esteja errado mas acho que estou certo mesmo os outros me falando o contrario.
só tenho uma certeza de uma, que é muito difícil te ver e não te beijar senti seu carinho seu abraço apertado e principalmente é muito difícil te ver nos braços de outro.
Mas vc sabe que s te quero feliz e vc pelo menos pra mim aparenta estar sim eu tbm fico feliz com isso mesmo que não seja a meu lado.
Sei que afastei mas pra enquanto, ate eu colocar minha cabeça no lugar, vai ser melhor.
Mas espero que vc não escute esse ultimo paragrafo =]
s2
bjos

Dayanne disse...

Esse caro amigo me faz suspirar[...]
Ps: "Você não tem que perder pra dar valor, tem que dar valor pra não perder."

Postar um comentário

Liberte-se deixando fluir da mente e do coração...
Palavras que me acalmam.