domingo, 15 de maio de 2011


" ...Eu não sei exatamente o que você está passando, é além do que eu posso saber, e também da minha habilidade de ajudar, eu não tenho o direito de julgar ele, e se eu escolher ficar com ele, sabendo dos riscos, tudo o que eu posso fazer é dar amor e respeito, e ver como a história vai acabar..."

0 Comentários:

Postar um comentário

Liberte-se deixando fluir da mente e do coração...
Palavras que me acalmam.